Assine aqui para receber
nosso Informe institucional

Notícias

MARCOS DA MEDICINA

16/12/2020 - Grandes Inovações

Por conta do aniversário de 90 anos da Associação Paulista de Medicina, neste 29 de novembro, a Revista da APM está percorrendo, desde março, dez fatos marcantes que revolucionaram a profissão e os tratamentos aos pacientes a cada edição. Endoscopia, transplantes e fertilização in vitro são alguns dos destaques a seguir. 

1. INVENÇÃO DO APARELHO ENDOSCÓPICO
O médico sul africano Basil Hirschowitz criou, no ano de 1957, o primeiro aparelho endoscópico de fibra ótica com o diferencial de ser totalmente flexível, ao lado de Larry Curtis e C. Wilbur Peters. O trio desenvolveu a técnica a partir do revestimento de fibras que permitiam a visualização do material mesmo em curvas. Isso possibilitou a análise de órgãos como o esôfago, estômago e cólon, além de cirurgias minimamente invasivas. 

2. PRIMEIRO TRANSPLANTE DE CORAÇÃO NO MUNDO
O procedimento foi realizado em 1967, pelo cirurgião Christiaan Barnard. A cirurgia aconteceu no Hospital Grote-Schuur, na Cidade do Cabo (África do Sul), e durou cerca de 5 horas. O médico e sua equipe obtiveram sucesso da operação, no entanto, o paciente transplantado acabou morrendo 18 dias depois do fato histórico, por conta de uma infecção hospitalar. 

3. NO BRASIL
O primeiro transplante de coração ocorreu em 1968, no Hospital das Clínicas, em São Paulo, pela equipe liderada por Euryclides de Jesus Zerbini. O paciente receptor do órgão foi um mato-grossense, na época com 23 anos. Apesar do pioneirismo do Brasil na área dos transplantes cardíacos em toda a América Latina e do sucesso no procedimento, após alguns dias o paciente apresentou sinais de rejeição ao órgão e veio a óbito. 

4. PONTE DE SAFENA
O responsável por realizar a primeira cirurgia de ponte de safena no mundo foi o cirurgião argentino René Favaloro. O método aconteceu em Cleveland, nos Estados Unidos, no ano de 1967. Durante a operação pioneira, Favaloro utilizou a veia safena como ponte para conseguir analisar e tratar as demais obstruções coronarianas presentes no corpo do paciente. 

5. AVANÇOS NO DNA
Em 1972, a dupla de bioquímicos norte-americanos Stanley Cohen e Herbert Boyer deram início ao desenvolvimento da tecnologia de DNA recombinante. O intuito era unir artificialmente as diversas partes do DNA impossibilitadas de se encontrarem na natureza. Foi após a criação da técnica que a transferência de genes de uma espécie para a outra foi possibilitada, recombinando novos genes.

6. NASCIMENTO DO PRIMEIRO BEBÊ DE PROVETA
No dia 25 de julho de 1978, nascia na cidade de Oldham (Inglaterra), Louise Joy Brown, o primeiro bebê de proveta do mundo. Na época, a técnica elaborada pelos médicos Robert Edwards e Patrick Steptoe passou por uma série de tentativas mal sucedidas e foi alvo de muitas críticas. Atualmente, estima-se mais de cinco milhões de bebês concebidos por fertilização in vitro ao redor do mundo.

7. NA AMÉRICA LATINA
O nascimento do primeiro bebê de proveta da América Latina foi no Brasil, em 7 de outubro de 1984. O procedimento foi realizado pela equipe liderada por Milton Nakamura, médico paulista que introduziu a técnica no País. Na época, uma das exigências da família da criança foi que a gravidez não fosse divulgada para a imprensa.

8. TRANSPLANTE DE MEDULA ÓSSEA
O Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Paraná foi a instituição responsável por realizar o primeiro transplante de medula óssea da América Latina. O procedimento aconteceu em 1979 e os responsáveis foram os médicos Ricardo Pasquini e Eurípides Ferreira, trilhando um novo caminho para a Medicina nacional. 

9. DESCOBERTA DA AIDS
Em 1981, foram notificados os primeiros casos de pacientes infectados pelo vírus da Aids. No entanto, foi apenas em 1984  após a equipe do cientista Luc Montagnier do Instituto Pasteur, na França, isolar e definir um retrovírus como o causador da doença que a Ciência e a Medicina descobriram do que se tratava de fato.

10. IMPLANTAÇÃO DE CORAÇÃO ARTIFICIAL
Em 1982, o dentista norte-americano Barney Clark foi o primeiro paciente a submeter-se à cirurgia de implantação de coração artificial, realizada pelo médico Robert Jarvik. O procedimento foi um grande sucesso e o paciente conseguiu sobreviver por mais 112 dias após a realização da cirurgia.

Eventos Científicos



Valor das Consultas

Saiba qual o valor real de sua consulta com a calculadora criada pela APM